ajuda ou agiotagem?

Quem fala nestes tempos em ajuda da Europa, deve estar a brincar connosco. Isto não é ajuda, é negócio. Isto não é negócio, é agiotagem. Isto cheira não só a agiotagem, mas a castigo exemplar.
Venha o FMI, que com parceiros europeus destes, porque se temem os inimigos?
Quem consegue fazer este tipo de aplicações com juros de 5,5%?
Onde estão os princípios de transparência, geradores de confiança entre as partes?
Onde estão os princípios de solidariedade, responsáveis por ver a europa como um todo?
Este deve ser um dos maiores desafios à coesão europeia. Vamos ver em que dá este desafio.

http://economia.publico.pt/Noticia/finlandia-apoia-resgate-de-portugal_1493727
http://economia.publico.pt/noticia/taxa-de-juro-exigida-a-portugal-sera-inferior-a-seis-por-cento_1493538
http://www.ionline.pt/conteudo/122440-juros-da-ue-uniao-europeia-cobra-mais-portugal-do-que--grecia
Enviar um comentário