Translate

Earworm XIII


«Quando acordei fora-se já embora. Explicara-me que tinha de ir visitar uma tia. Pensei que era domingo, o que me aborreceu: não gosto dos domingos.»  O estrangeiro - Albert Camus





Paté de Fuá - El extranjero 

Mark Zuckerberg fundador do Facebook * A Felicidade é...




Para Mark Zuckerberg, fundador e CEO do Facebook, a felicidade é fazer algo significativo, ajudar os outros, ao lado das pessoas que ama. Diz ainda que ninguém faz o que quer que seja, significativo, sozinho. Acrescenta ainda a sua convicção sobre o valor dos relacionamentos duradouros.

Boa Mark!!

[Entrevista Mark]

Earworm XII

«...Por su barbilla, ya plateada señor, han discurrido
palabras brillantes de saliva, o brillantes de suyo
al concluir, sin embargo, Diógenes ha recordado con tristeza
que nadie, ninguno de nosotros
podrá nunca exprimir una esponja por completo.»
 
"Diógenes ha señalado", Omar Pérez 
 
 
Buena Vista Social Club - Chan chan

Earworm XI

Estrelismo: maneira de proceder própria de estrelas ou grandes vedetes da vida pública (artes, política etc).*
 
Vedetismo: [depreciativo] comportamento ou atitude de quem procura tornar-se notado e ser alvo da atenção geral.*'
 
Há quem não. Parabéns Sr. Mário!
 
Mário Laginha e Bernardo Sassetti - A menina e o piano
 
*www.dicio.com.br
*'www.infopedia.pt

Leonardo diCaprio * um verdadeiro herói!


Quem gosta de Leonardo diCaprio? Eu gosto cada vez mais! 
Um herói que salta dos ecrãs para o mundo real! Um verdadeiro herói!

Fundação Leonardo diCaprio doa 15 milhões de dólares a organizações ambientais. Porquê?
“A destruição do nosso planeta continua a um ritmo que não nos podemos dar ao luxo de ignorar”;
“Tenho orgulho em apoiar estas organizações que estão a trabalhar para solucionar o maior desafio da humanidade”.

Ler mais em:

Apaziguamento


Houve certas pessoas, há certas pessoas, as quais não conheci, não conheço. Entristece-me tal facto.
Mas sossega-me o espírito o saber que, pelo menos (ou não tão pouco quanto isso!), partilhámos, partilhamos tempo e espaço.
Naquelas em que esta realidade não se pôde concretizar, porque vieram cedo demais e eu tardei em chegar, aguento com o seu legado que é a verdadeira imortalidade do ser.

Hoje... a minha preferida é...Três Tristes Tigres ou António Variações | Anjinho da Guarda

Três Tristes Tigres:


António Variações:

Earworm X

«O Porto é só uma certa maneira de me refugiar na tarde, forrar-me de silêncio e procurar trazer à tona algumas palavras, sem outro fito que não seja o de opor ao corpo espesso destes muros a insurreição do olhar.
O Porto é só esta atenção empenhada em escutar os passos dos velhos, que a certas horas atravessam a rua para passarem os dias no café em frente, os olhos vazios, as lágrimas todas das crianças de S. Victor correndo nos sulcos da sua melancolia.
O Porto é só a pequena praça onde há tantos anos aprendo metodicamente a ser árvore, procurando assim parecer-me cada vez mais com a terra obscura do meu próprio rosto.
Desentendido da cidade, olho na palma da mão os resíduos da juventude, e dessa paixão sem regra deixarei que uma pétala poise aqui, por ser tão branca.» Eugénio de Andrade, Poesia e Prosa
 
 
Human Evolution - Globalización   

Earworm IX

«Sempre vivos, sempre em frente,
Imponentes, solenes, tristes, retraídos, desorientados, loucos, turbulentos, fracos, insatisfeitos,
Desesperados, orgulhosos, amantes, doentes, aceites pelos homens, rejeitados pelos homens,
Eles caminham! caminham! Sei que caminham, mas não sei para onde vão,
Sei que caminham em direcção ao melhor - em direcção a qualquer coisa que é grande.
 
Quem quer que sejas, avança! ou homem ou mulher avança!» Walt Whitman em Folhas de Erva.
 
 


 Elis Regina - Folhas secas

A Pedra



Por si só, uma pedra É uma pedra. O uso que fazemos dela é o que faz a diferença: Construir, descansar, brincar, poetizar, matar, esculpir... 

Poema do livro: Essência (1999), de Antonio Pereira (Apon). 

"O distraído, nela tropeçou,
o bruto a usou como projétil,
o empreendedor, usando-a construiu,
o campônio, cansado da lida,
dela fez assento.
Para os meninos foi brinquedo,
Drummond a poetizou,
Davi matou Golias...
Por fim;
o artista concebeu a mais bela escultura.
Em todos os casos,
a diferença não era a pedra.
Mas o homem."

CR7 * mais do que uma estrela * Uma galáxia!



CR7 começou por ser um menino com sérios problemas!
CR7 passou para aprendiz de futebol!
CR7 até foi jogador de futebol!
CR7 rapidamente se tornou uma estrela!
CR7 tornou-se um galático!
CR7, agora, é muito mais do que uma estrela! É, de longe, a galáxia mais brilhante do Universo, encontrada até hoje, dizem cientistas com créditos no assunto. 

Não sendo o "Cristiano Ronaldo" essa galáxia, "O apelido de CR7 é uma abreviatura de COSMOS Redshift 7. Redshift (desvio para o vermelho) é uma medida de distância muito utilizada pelos astrónomos. Quanto maior o desvio para o vermelho de uma galáxia, mais distante e mais para trás no tempo ela está. O nome foi também inspirado no jogador de futebol Português, Cristiano Ronaldo, que é conhecido como CR7."

É muito bom ver que existem equipas de investigação de elevado desempenho internacionais, lideradas por portugueses, neste caso David Sobral, do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA) e da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa (FCUL).

É bom saber que existem pessoas que homenageiam outras a título pré-póstumo, ou seja, quando ainda estão em vida e, neste caso, em plena atividade. Já tinha acontecido na Madeira com o Museu CR7 e com a sua estátua.

O caso da Galáxia CR7 ajuda a refletir sobre dois temas ligados à ciência:

1. O cientista louco, com os cabelos em pé e alheado do mundo que o rodeia, é, provavelmente, exceção. Só poderia dar este nome à Galáxia alguém que goste do futebol e lhe reconheça valor. (Acredito até, que haja cientistas de grande qualidade que joguem futebol...)

2. A ciência pode ser divulgada por meios transversais a toda a sociedade, de forma simples, desde que se utilizem meios que interessem e cheguem às populações. A linguagem técnica, o jargão científico, dificilmente chegará à comunidade em geral. Mas quando se dá num embrulho do qual as pessoas gostam, pode-se divulgar conhecimento científico e avanços no estado da arte e as pessoas estão recetivas para ouvir e ficar com a mensagem. Se foi pensado como estratégia de marketing e comunicação, o estratega é um génio.

É bom saber que o trabalho e o fazer diferente (tanto do CR7 como da equipa do David Sobral) é um caminho que levam a resultados extraordinários.

Ler mais em: CR7 já não é uma estrela! É uma galáxia!:

Earworm VIII

«Instruíram-nos muito acerca do mundo, mas, na realidade, não souberam explicar-nos nada. Porque não há uma explicação. Essa é uma boa razão para nos dedicarmos à arte, mostrar o absoluto mistério das coisas.» Chet Baker Pensa na Sua Arte, Enrique  Vila-Matas
 
 
       Chet Baker - You and the Night and the Music            

Sara Sampaio * Efeito Borboleta

Acredito que a maioria de nós já ouviu falar do efeito borboleta, que está relacionada com a teoria do caos, que não vale a pena dissecar aqui, pois teríamos que chamar um cientista encartado e não traria valor acrescentado significativo. De forma simples, podemos dizer que o efeito borboleta nos diz que o bater de asas de uma pequena e bela borboleta, pode provocar um tufão no outro lado do mundo.

É natural que haja dúvidas sobre este efeito da natureza. Dificilmente se poderá crer que isto possa acontecer. Precisamos de mais provas.

Neste sentido, o correio da manhã veio dar uma ajuda aos cientistas na sua comunicação com o público, encontrando uma analogia que nos pode ajudar a acreditar no efeito borboleta:


Mais um contributo fundamental para a ciência em Portugal!!!




Earworm VII

«Variações é uma palavra que sugere elasticidade, liberdade. E é exactamente isso que eu sou e que faço no campo da música. Aquilo que canto é heterogéneo. Não quero enveredar por um estilo. Não sou limitado. Tenho a preocupação de fazer coisas de vários estilos». (António Variações / O País)
 
 
Tiago Bettencourt - Canção do engate

Earworm VI

Eugène Delacroix pinta La Liberté guidant le peuple (1830).

Frida Kahlo pinta Viva la vida, Sandías (1954), presumivelmente o seu último quadro, acrescentando, oito dias antes de morrer, a inscrição “Viva la vida”.

Coldplay criam o álbum Viva la Vida or Death and All His Friends (2008).  Violet Hill foi a sua primeira canção antiguerra.

Junções.
Na vida e na morte, a arte sobrevive.
 



               Coldplay - Violet Hill

Os 3 produtos mais caros do mundo e ainda o ouro!


Desde há muitos anos que as corridas ao ouro aparecem de formas bem diversas. As mais conhecidas foram as existentes na Califórnia, em tempos de índios e cowboys, que se continuam a impor no imaginário das crianças. Não sei se na altura estariam enganados, relativamente ao seu foco. Hoje, poderiam correr a outros produtos de valor bem mais elevado. 

Na listagem realizada pela Insider.pro, o ouro fica em 16.º lugar, à frente do Caviar Beluga Iraniano e atrás do Ródio!

Os 3 primeiros lugares dos produtos mais caros, são ocupados por:

3.º Painita: utilização na cura por cristais ou para fazer artigos decorativos ou de coleção.

2.º Californium 252: utilização em dispositivos que encontram O isótopo Californium é usado em dispositivos que encontram lençóis de petróleo e água em poços de petrólelençóis de petróleo e água em poços de petróleo.

1.º Antimatéria: existe a probabilidade de abastecer naves espaciais que permitam fazer viagens intergaláticas...


Existem outros produtos de elevado valor comercial, que posso consultar no Insider.pro, em As 19 substâncias mais caras do mundo. Quem sabe se encontro algum destes produtos no bolso de uma calças que não uso há algum tempo.