Translate

Earworm IX

«Sempre vivos, sempre em frente,
Imponentes, solenes, tristes, retraídos, desorientados, loucos, turbulentos, fracos, insatisfeitos,
Desesperados, orgulhosos, amantes, doentes, aceites pelos homens, rejeitados pelos homens,
Eles caminham! caminham! Sei que caminham, mas não sei para onde vão,
Sei que caminham em direcção ao melhor - em direcção a qualquer coisa que é grande.
 
Quem quer que sejas, avança! ou homem ou mulher avança!» Walt Whitman em Folhas de Erva.
 
 


 Elis Regina - Folhas secas

A Pedra



Por si só, uma pedra É uma pedra. O uso que fazemos dela é o que faz a diferença: Construir, descansar, brincar, poetizar, matar, esculpir... 

Poema do livro: Essência (1999), de Antonio Pereira (Apon). 

"O distraído, nela tropeçou,
o bruto a usou como projétil,
o empreendedor, usando-a construiu,
o campônio, cansado da lida,
dela fez assento.
Para os meninos foi brinquedo,
Drummond a poetizou,
Davi matou Golias...
Por fim;
o artista concebeu a mais bela escultura.
Em todos os casos,
a diferença não era a pedra.
Mas o homem."

CR7 * mais do que uma estrela * Uma galáxia!



CR7 começou por ser um menino com sérios problemas!
CR7 passou para aprendiz de futebol!
CR7 até foi jogador de futebol!
CR7 rapidamente se tornou uma estrela!
CR7 tornou-se um galático!
CR7, agora, é muito mais do que uma estrela! É, de longe, a galáxia mais brilhante do Universo, encontrada até hoje, dizem cientistas com créditos no assunto. 

Não sendo o "Cristiano Ronaldo" essa galáxia, "O apelido de CR7 é uma abreviatura de COSMOS Redshift 7. Redshift (desvio para o vermelho) é uma medida de distância muito utilizada pelos astrónomos. Quanto maior o desvio para o vermelho de uma galáxia, mais distante e mais para trás no tempo ela está. O nome foi também inspirado no jogador de futebol Português, Cristiano Ronaldo, que é conhecido como CR7."

É muito bom ver que existem equipas de investigação de elevado desempenho internacionais, lideradas por portugueses, neste caso David Sobral, do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA) e da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa (FCUL).

É bom saber que existem pessoas que homenageiam outras a título pré-póstumo, ou seja, quando ainda estão em vida e, neste caso, em plena atividade. Já tinha acontecido na Madeira com o Museu CR7 e com a sua estátua.

O caso da Galáxia CR7 ajuda a refletir sobre dois temas ligados à ciência:

1. O cientista louco, com os cabelos em pé e alheado do mundo que o rodeia, é, provavelmente, exceção. Só poderia dar este nome à Galáxia alguém que goste do futebol e lhe reconheça valor. (Acredito até, que haja cientistas de grande qualidade que joguem futebol...)

2. A ciência pode ser divulgada por meios transversais a toda a sociedade, de forma simples, desde que se utilizem meios que interessem e cheguem às populações. A linguagem técnica, o jargão científico, dificilmente chegará à comunidade em geral. Mas quando se dá num embrulho do qual as pessoas gostam, pode-se divulgar conhecimento científico e avanços no estado da arte e as pessoas estão recetivas para ouvir e ficar com a mensagem. Se foi pensado como estratégia de marketing e comunicação, o estratega é um génio.

É bom saber que o trabalho e o fazer diferente (tanto do CR7 como da equipa do David Sobral) é um caminho que levam a resultados extraordinários.

Ler mais em: CR7 já não é uma estrela! É uma galáxia!:

Earworm VIII

«Instruíram-nos muito acerca do mundo, mas, na realidade, não souberam explicar-nos nada. Porque não há uma explicação. Essa é uma boa razão para nos dedicarmos à arte, mostrar o absoluto mistério das coisas.» Chet Baker Pensa na Sua Arte, Enrique  Vila-Matas
 
 
       Chet Baker - You and the Night and the Music            

Sara Sampaio * Efeito Borboleta

Acredito que a maioria de nós já ouviu falar do efeito borboleta, que está relacionada com a teoria do caos, que não vale a pena dissecar aqui, pois teríamos que chamar um cientista encartado e não traria valor acrescentado significativo. De forma simples, podemos dizer que o efeito borboleta nos diz que o bater de asas de uma pequena e bela borboleta, pode provocar um tufão no outro lado do mundo.

É natural que haja dúvidas sobre este efeito da natureza. Dificilmente se poderá crer que isto possa acontecer. Precisamos de mais provas.

Neste sentido, o correio da manhã veio dar uma ajuda aos cientistas na sua comunicação com o público, encontrando uma analogia que nos pode ajudar a acreditar no efeito borboleta:


Mais um contributo fundamental para a ciência em Portugal!!!




Earworm VII

«Variações é uma palavra que sugere elasticidade, liberdade. E é exactamente isso que eu sou e que faço no campo da música. Aquilo que canto é heterogéneo. Não quero enveredar por um estilo. Não sou limitado. Tenho a preocupação de fazer coisas de vários estilos». (António Variações / O País)
 
 
Tiago Bettencourt - Canção do engate

Earworm VI

Eugène Delacroix pinta La Liberté guidant le peuple (1830).

Frida Kahlo pinta Viva la vida, Sandías (1954), presumivelmente o seu último quadro, acrescentando, oito dias antes de morrer, a inscrição “Viva la vida”.

Coldplay criam o álbum Viva la Vida or Death and All His Friends (2008).  Violet Hill foi a sua primeira canção antiguerra.

Junções.
Na vida e na morte, a arte sobrevive.
 



               Coldplay - Violet Hill

Os 3 produtos mais caros do mundo e ainda o ouro!


Desde há muitos anos que as corridas ao ouro aparecem de formas bem diversas. As mais conhecidas foram as existentes na Califórnia, em tempos de índios e cowboys, que se continuam a impor no imaginário das crianças. Não sei se na altura estariam enganados, relativamente ao seu foco. Hoje, poderiam correr a outros produtos de valor bem mais elevado. 

Na listagem realizada pela Insider.pro, o ouro fica em 16.º lugar, à frente do Caviar Beluga Iraniano e atrás do Ródio!

Os 3 primeiros lugares dos produtos mais caros, são ocupados por:

3.º Painita: utilização na cura por cristais ou para fazer artigos decorativos ou de coleção.

2.º Californium 252: utilização em dispositivos que encontram O isótopo Californium é usado em dispositivos que encontram lençóis de petróleo e água em poços de petrólelençóis de petróleo e água em poços de petróleo.

1.º Antimatéria: existe a probabilidade de abastecer naves espaciais que permitam fazer viagens intergaláticas...


Existem outros produtos de elevado valor comercial, que posso consultar no Insider.pro, em As 19 substâncias mais caras do mundo. Quem sabe se encontro algum destes produtos no bolso de uma calças que não uso há algum tempo. 

Earworm V


Daft Punk é uma dupla de música eletrónica formada pelo luso-francês Guy-Manuel de Homem-Christo e pelo francês Thomas Bangalter. O bisavô do primeiro era Homem Cristo Filho, intelectual e escritor português, defensor das correntes nacionalistas que levaram ao fascismo italiano (do qual era fervoroso admirador) e aos diversos nacionalismos europeus. Este, por sua vez, era filho de Francisco Manuel Homem Cristo, militar e político republicano. Notabilizou-se como um dos oficiais do Exército Português implicados nos acontecimentos que rodearam a Revolta de 31 de Janeiro de 1891 (à qual se tinha oposto) e depois como deputado republicano. Foi também professor universitário, escritor e jornalista, panfletário notável e político de relevo nos tempos que precederam a implantação da República Portuguesa.

Gerações….

Daft Punk ft. Julian Casablancas  - Instant Crush
 
Fonte: wikipedia 
 

Hoje...A minha preferida é... Birds Are Indie :: Now it's too late

Dia da Criança * As crianças aprendem o que vivenciam * Dorothy Law Nolte

Ted de Grazia

"As crianças aprendem o que vivenciam

Se as crianças vivem ouvindo críticas, aprendem a condenar.

Se convivem com a hostilidade, aprendem a brigar.

Se as crianças vivem com medo, aprendem a ser medrosas.

Se as crianças convivem com a pena, aprendem a ter pena de si mesmas.

Se vivem sendo ridicularizadas, aprendem a ser tímidas.

Se convivem com a inveja, aprendem a invejar.

Se vivem com vergonha, aprendem a sentir culpa.

Se vivem sendo incentivadas, aprendem a ter confiança em si mesmas.

Se as crianças vivenciam a tolerância, aprendem a ser pacientes.

Se vivenciam os elogios, aprendem a apreciar.

Se vivenciam a aceitação, aprendem a amar.

Se vivenciam a aprovação, aprendem a gostar de si mesmas.

Se vivenciam o reconhecimento, aprendem que é bom ter um objetivo.

Se as crianças vivem partilhando, aprendem o que é generosidade.

Se convivem com a sinceridade, aprendem a veracidade.

Se convivem com a equidade, aprendem o que é justiça.

Se convivem com a bondade e a consideração, aprendem o que é respeito.

Se as crianças vivem com segurança, aprendem a ter confiança em si
mesmas e naqueles que as cercam.

Se as crianças convivem com a afabilidade e a amizade, aprendem que
o mundo é um bom lugar para se viver."

Dorothy Law Nolte

em Festa... em Serralves...













Earworm IV

Corvos de 1998 convidam 'Raposas Velhas' para partilha de memórias:

Lembras-me uma marcha de lisboa
Num desfile singular,
Quem disse
Que há horas e momentos p´ra se amar
 
Lembras-me uma enchente de maré
Com uma calma matinal
Quem foi
Quem disse
Que o mar dos olhos também sabe a sal
 
As memórias são
Como livros escondidos no pó
As lembranças são
Os sorrisos que queremos rever, devagar

Queria viver tudo numa noite
Sem perder a procurar
O tempo, ou o espaço
Que é indiferente p´ra poder sonhar
 
Quem foi que provocou vontades
E atiçou as tempestades
E amarrou o barco ao cais
Quem foi, que matou o desejo
E arrancou o lábio ao beijo
E amainou os vendavais

Corvos Convidam: Luís Represas - Memórias de um beijo


Caducidade

«Morre menos gente de cancro ou de coração do que de não saber para que vive; e a velhice, no sentido de caducidade, de que tantos se vão, tem por origem exactamente isto: o cansaço de não se saber para que se está a viver.»
 
 
Agostinho da Silva - As Aproximações (1960)

Earworm III

«A inspiração para a canção veio quando estava a assistir a uma banda de jazz a tocar numa esquina de um pub, quase deserto, em Deptford, sul de Londres. No final da actuação, o vocalista anunciou que eles eram os “Sultans of Swing”, e Knopfler achou divertido o contraste entre a aparência deselegante do grupo e sua envolvência e a grandiosidade do nome.»*
 
Confiança: procuremos inspiração em qualquer recanto. A felicidade pode aparecer por lá.
Earworm da semana:
 
 Dire Straits - Sultans of Swing
 
* Fonte: wikipedia

como gerir o erro * uma forma a ponderar * SAWABONA


-
Há uma "tribo" africana que tem um costume muito bonito.
Quando alguém faz algo prejudicial e errado, eles levam a pessoa para o centro da aldeia, e toda a tribo vem e o rodeia. Durante dois dias, eles vão dizer ao homem todas as coisas boas que ele já fez.

A tribo acredita que cada ser humano vem ao mundo como um ser bom. Cada um de nós desejando segurança, amor, paz, felicidade. Mas às vezes, na busca dessas coisas, as pessoas cometem erros.
A comunidade enxerga aqueles erros como um grito de socorro.
Eles se unem então para erguê-lo, para reconectá-lo com sua verdadeira natureza, para lembrá-lo quem ele realmente é, até que ele se lembre totalmente da verdade da qual ele tinha se desconectado temporariamente: "Eu sou bom".

Sawabona Shikoba!
SAWABONA, é um cumprimento usado na África do Sul e quer dizer:
"Eu te respeito, eu te valorizo. Você é importante pra mim"

Em resposta as pessoas dizem SHIKOBA,que é:
"Então, eu existo pra você".

Fonte: Ecodesenvolvimento.org

um grande ensaio sobre a intolerância



O que eu gostava de ver mais vezes, 
sem a causa arrepiante... bárbara... retrógrada!



O que aconteceu ontem, não é futebol!!