el Comandante, Djaló, Éder e Djaló outra vez!

Este mercado de transferências teve duas situações claramente positivas:

1. Ver jogadores como o Lucho voltar ao futebol português, só pode ser positivo. Lucho regressa ao Dragão a custo zero. Chegou ao clube que diz ser a sua casa. É raro ver. Mais raro ainda por ser um craque argentino a voltar ao estádio do Dragão, e ao Porto, que diz ser a sua cidade. Bonito. "el comandante" está de volta. No entanto, o problema de fundo ainda não está resolvido. Vitor Pereira parece que é o problema maior. Até porque, faltando alguns jogadores, não se percebe como prescinde de jogadores como Guarín, Fucile entre outros.

2. Ver jogadores como Djaló voltar ao futebol português, só pode ser positivo. Djaló no Benfica é uma realidade. E cai nas mãos de Jesus, que quando os jogadores têm o seu aval, consegue desenvolvê-los de forma bem interessante. Já recuperou jogadores que vinham rotulados como terminados, e relançou a carreira de alguns deles de forma incrível. Se diz que quer fazer de Djaló uma estrela, acredito que o consiga.

Também há duas situações claramente negativas:

1. O Sporting quer receber dinheiro sobre direitos "não sei de quê" do Djaló! Não sei de quem é a responsabilidade! este Djaló já está desempregado há uns meses. Do ponto de vista de um leigo, houve um claro corte entre Sporting e Djaló. Bem, pelo menos, vai haver notícias nos próximos tempos.

2. O caso de Éder da Académica. Grande jogador! Grande confusão! Parece que tanto o Éder como a Académica vão sair prejudicados pela novela em curso.


Condimentos mais do que suficientes para manter o campeonato em grande ebulição. A ver vamos se continua disputado ou se há novas escorregadelas. O Braga é que parece que está atento a qualquer deslize e, paulatinamente, vai-se aproximando dos lugares da frente, mostrando que a existência de 4 grandes é cada vez mais uma realidade.
Enviar um comentário