Scolari: a distância da palavra ao ato!

Scolari conseguiu os melhores resultados da nossa seleção até agora. Independentemente do que aconteceu, o que fica para a história são os resultados. Scolari tem mérito nisso. É um marco na nossa seleção.
É por isso que custa mais a perceber porque vem lançar esta polémica agora.  A seleção tem estado tranquila, com possibilidade de se concentrar no que é importante e, Scolari, vem atirar esta pedrada ao charco? Será que antevê um Paulo Bento capaz de conquistar feitos ainda maiores do que os por si alcançados?  Vem dizer que deseja sucesso e que Paulo Bento lhe merece consideração, mas aquilo que faz, é uma tentativa de destabilizar a seleção. Apesar de tudo, uma fraca tentativa para um forte espírito de grupo (acredito eu)!
Confesso que, independentemente dos resultados que por aí venham, fico satisfeito por verificar que existe um espirito de equipa e que Paulo Bento, de forma discreta, tem conseguido criar uma equipa, pelo que nem os favoritos do grupo da morte podem estar tranquilos no confronto com a seleção, apesar do polvo Paul! Também é alemão, por isso, faccioso! Mas quando Scolari diz que Pinto da Costa (PC) tinha muita influência na selecção, levantam-se vozes bem altas, que dizem "Ó sua besta, se o PC mandasse na Selecção já tinhamos sido Campeões da Europa e do Mundo !!". Não deixa de ser uma perspetiva interessante e que não é irreal de todo. Afinal já foi Campeão da Europa de clubes por duas vezes! Para mais, ninguém acredita que Scolari ouça quem quer que seja! Neste caso, não parece que PC fosse exceção!
Mas se PC fosse de facto influente, seria possível, acrescentar aos mais de 50 portugueses conquistaram troféus no futebol europeu, mais 10 milhões de Portugueses, pois a seleção é de todos nós! E se a seleção ganha, todos nós ganhamos.
Ficamos a torcer pela seleção e a devorar os programas de televisão sobre a seleção, para que possamos saber tudo sobre eles: pratos preferidos, cores das meias preferidas, bebidas preferidas, se preferem cuecas ou boxers, jogo preferido, musica preferida, se gostam mais de lulas recheadas ou de  picanha com arroz de feijão, entre outras coisas fundamentais para o seu desempenho desportivo. Adivinham-se uns dias interessantes, em termos desportivos. Que venha depressa o Europeu para que o futebol se instale dentro das 4 linhas.
Enviar um comentário