Basket Porto vs Benfica! viva a NBA!

http://www.zazzle.pt/evolucao_do_afundanco_do_basquetebol_do_presente_d_capas_speck-176280518269898615

Parabéns Benfica

Antes de mais, há que dar os parabéns ao Benfica, pelo seu mérito desportivo e por ter conquistado mais um campeonato de Basketball.
Vendo o relato dos acontecimentos, fiquei convencido que o Porto, com a sua veia hospitaleira, tinha arranjado uma sala particular para o Benfica apreciar e festejar a sua vitória, sem ter que se preocupar com fatores externos aos seus festejos. Quantos pagariam fortunas para ter uma sala particular, longe dos adeptos do adversário, para festejar alguma coisa?

Afinal, havia adeptos

Depois percebi que não era bem assim! Havia adeptos envolvidos. Ânimos exaltados que fizeram com que os jogadores e equipa do Benfica tivessem que se refugiar no balneário. Pensei: Estes adeptos são todos iguais. Razão tinha aquele clube que arranjou uma jaula para meter os adeptos. Deveria colocar os adeptos dentro da jaula, independentemente da sua cor clubística. E quando falamos de claques, os grandes clubes são iguais. Azuis, vermelhos ou verdes! Animais que merecem estar enjaulados. Salvo raras exceções.

Afinal, há vida para além dos adeptos

Continuando a ler notícias sobre um desporto que já foi a minha paixão, verifiquei que não havia apenas adeptos. Afinal os paladinos do bom comportamento e da verdade desportiva, também têm comportamentos incorretos? Estava convencido que eram apenas os adeptos, com o incendiar de autocarros, a agressão a jogadores, os apagões e os sistemas de rega apagados. Mas sempre pensei que jogadores, equipas técnicas e dirigentes se afastassem disso.
Afinal, não. Talvez fosse desejável um programa de compra e distribuição de açaimos para gente raivosa.
Ainda por cima, até num jogo de basket, o futebol vem à baila, com uma tentativa ridícula de ofender a honorabilidade das pessoas dos outros clubes. Claro que, enquanto não oharem para si próprios, e enquanto continuarem à procura de bodes expiatórios para expiar os insucessos, não há grande preocupação. Apenas cansaço de mentiras. E como alguém dizia, uma mentira repetida muitas vezes, não se torna verdade. Até pode parecer, mas não é verdade.
Tal como a verdade lapaliciana que diz que "Um ladrão não deixa de ser ladrão por declamar poesia", tal como se podia dizer "um ladrão não deixa de ser ladrão por ter as orelhas grandes" ou ainda "um ladrão não deixa de ser ladrão por ter 3 dedos". É a sabedoria dos nossos dirigentes desportivos levadas ao seu máximo expoente. E o estilo das insinuações gratuitas que a maior parte das vezes é dirigida a alguém, e que facilmente se diz: "vocês sabem do que eu estou a falar!" E que ninguém tem a coragem de dizer: "Não percebi bem! Pode explicar claramente?"

Viva a NBA

Depois desta final de basket, é caso para dizer:
Façam os jogos à porta fechada! Prefiro ver às  6 da manhã a NBA!
Abaixo o provincianismo bacoco! Viva a NBA!

http://desporto.publico.pt/noticia.aspx?id=1547536
http://desporto.publico.pt/noticia.aspx?id=1547493
http://desporto.publico.pt/noticia.aspx?id=1547427
http://desporto.publico.pt/noticia.aspx?id=1547541
http://desporto.publico.pt/noticia.aspx?id=1547538

Enviar um comentário