Vidas perfeitas * filosofia de vanguarda


Num filme de fim de semana, entre o dormitar e o olhar para as cenas mais emocionantes, apanham-se pensamentos e conversas em que a filosofia de vanguarda está muito presente. Apesar de não conseguir reproduzir com exatidão, segue a ideia geral. Só porque vale a pena!:

"Havia um pastor que estava sempre a pregar e a dizer o que tínhamos que fazer para que a nossa vida fosse perfeita. Um pilar da sociedade e um exemplo. Um dia, estoirou o escândalo, quando o pastor foi apanhado a ter relações com uma pega. Essa pega tinha uma pila enorme! A partir daí, deixei de acreditar sempre que alguém me diz que tem uma vida perfeita."

Será assim, ou ainda há vidas perfeitas?



Enviar um comentário