We Art: Joana Rêgo, André Silva e o comendador Berardo



Sexta-feira foi dia de cultura. Fui à inauguração da nova exposição de arte da We Art. Ainda aguardei pela presença de Joe Berardo, que esteve presente no espaço, perto das 20h00, mas saí antes de ele chegar. A referência a Berardo é devido ao espaço fantástico que criou nas Caves Aliança, denominado Aliança Underground Museum, em Anadia, que vale a pena visitar. É um marco importante para o Aveiro Business Center contar com tão ilustre figura na área da cultura. Fica, de seguida, uma descrição da exposição e dos artistas, feita pela We Art.


"O espaço de exposições da WE ART, em Aveiro, acolhe, no dia 9 de novembro, sexta-feira, às 18h30, a inauguração de uma mostra de Pintura e Desenho da autoria de Joana Rêgo e André Silva. Patente até 6 de janeiro de 2013, a exposição pode ser visitada de segunda a sexta-feira, das 10 às 20 horas e aos sábados e domingos, por marcação. A entrada é livre.

A arte de Joana Rêgo é marcada por um rigor perfecionista, que passa por uma condição gráfica evidente, onde o quadro assume uma componente eminentemente estética. Esta exposição retrata bibliotecas que se assumem como formas coloridas, organizadas como livros nas estantes, mas sem qualquer texto que nos indique de qual livro se trata. Joana Rêgo faz da sua biblioteca uma exposição, onde as palavras são livros e estes formas, onde o texto é intuição e as imagens são corpos pragmáticos. A artista arruma os livros em lógicas premeditadas, pinta em gestos maduros, parte de premissas desafiadoras, que lhe irão conferir as expressões resultantes de cada pintura apresentada.

"Evadir" é o nome da exposição de André Silva, que reúne um conjunto de obras que "são apropriações da linguagem cartográfica e arquitetónica baseadas nas impressões pessoais em torno dos lugares". Para o artista, "os trabalhos são lugares de experimentação dos modos de existência do espaço. São lugares onde o espaço se constrói com outros espaços. Ao proporem percursos físicos e mentais, espaciais, sensoriais e psicológicos, as obras reconduzem-se a outros lugares, atuando sobre o tempo e a memória, através de um mecanismo de repetição dos motivos que se podem observar numa variação de escalas". Trata-se de um trabalho que se faz com mapas, plantas, renderings de arquitetura que acabam por constituir-se num espaço em permanente trânsito, como lugar permanentemente em “mutação” e evasão.
Esta é a quinta exposição no espaço WE ART e está aberta de segunda a sexta-feira, das 9h às 20h. Para fazer a marcação da visita à exposição (sábados e domingos) deve contactar através do telefone 915 300 488 ou email: weart@weart.pt

Sobre Joana Rêgo
Nascida em 1970, no Porto, Joana Rêgo é Artista Plástica, Pintora e Professora do Ensino Superior. Tem o curso de Artes-Plásticas, Pintura pela FBAUP (1995) e foi Bolseira da Fundação Calouste Gulbenkian e da Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento em 1998/1999. É Mestre em Pintura no San Francisco Art Institute, EUA (1999) e Doutoranda pela Universidade de Vigo/Pontevedra no Doutoramento Modos de Conhecimento na Prática Artística Contemporânea. Tem o Diploma de Estudos Avançados do Doutoramento “Modos de conhecimento na prática Artística Contemporânea” (2006) e é ainda doutoranda pela FBAUP no Doutoramento em Arte e Design. Expõe regularmente desde 1995, tendo realizado mais de 20 exposições individuais e diversas exposições coletivas em Portugal e no estrangeiro. Está representada em coleções públicas e privadas, das quais se destacam: Colecção Caixa Geral de Depósitos; Colecção Fundação PLMJ - Lisboa; Museu FBAUP; Museu Bienal de Cerveira; Museu Amadeo de Souza – Cardoso - Amarante; ANACOM; Fundação Luís I - CC Cascais; Parlamento Europeu, Bruxelas; entre outras. Recebeu vários prémios como a Menção Honrosa em pintura na 1º Bienal Internacional do Montijo (2008); o Prémio de Aquisição XXIII Colectiva Sócios da Árvore (2008); o 1º Prémio de Arte Erótica – ARGO (2003); o 1º Prémio de Pintura – IX Bienal de Cerveira (1997) e o 1º Prémio de Pintura BCM´95 ex-aequo em 1995.http://www.joanarego.com

Sobre André SilvaNasceu na Venezuela, em 1980 e vive e trabalha em Santa Maria da Feira. É licenciado em Artes Plásticas-Pintura pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto e bolseiro do Programa Sócrates/ Erasmus na Facultad de Bellas Artes de la Universidad del Pais Vasco. Tem um curso de Especialização em Intervenções Artísticas em Espaços Públicos e Produção de Obras Site Specfic, pela Universidade Lusófona. Desde 2001 que expõe regularmente tanto em exposições individuais como colectivas.Está representado em colecções públicas como a Fundação PLMJ; Colecção Luiz Augusto Teixeira de Freitas – Collection Madeira Corporate Services; e em diversas coleções privadas em Portugal, Espanha, Suíça, Alemanha, Itália e Inglaterra. Em 2001 recebeu o prémio Jovens Artistas’01, de Santa Maria da Feira, na categoria instalação e uma Menção Honrosa pelo seu trabalho de pintura. Em 2009, foi finalista do prémio Fidelidade Mundial Jovens Pintores 2009, no Chiado 8.
Enviar um comentário