deixe-se de tretas, força nas canetas


Ontem foi dia de clássico. Hoje o jornal i tem um título provocatório: Luz já é uma segunda casa! Este título, deveria fazer com que o Benfica pense bem na sua vida e que não esteja sempre a arranjar desculpas de mau pagador. Claro que é mais confortável agir tendo um bode expiatório sempre ao lado. Mas os 8 pontos perdidos nas últimas 3 jornadas deviam ser motivo de reflexão. E deveriam estar a preparar já o jogo com o Zenite, porque esse é agora o jogo mais importante. Mas enquanto houver a preocupação de arranjar os culpados e de atirar em todas as direções, haverá mais probabilidade de deixar o essencial para se focar no acessório. Espero que o Benfica se foque rapidamente no essencial, o Zénite, porque esse é o jogo que interessa. Que se chegue longe nessa competição, visto que é o único clube português com capacidade de amealhar pontos para a classificação da UEFA, tão importante para o financiamento dos clubes portugueses.

Como todos os clássicos, há várias opiniões:opinião sobre um clássico emocionante, várias queixas para um lado, queixas de Jesus e para o outro e as de Pinto da Costa. Mas enquanto espetador, o que me interessa é que foi um jogo emocionante, com períodos irracionais de euforia e de depressão. Ainda me interessa que James chegou! todos os outros artistas do jogo (aquele Tacuara é um jogador fantástico).

Agora, para os jogos futuros ficam aqui alguns dos hinos pedidos pelo CR7 e pelo Paulo Bento direcionados para o clube de todos nós. Podem e devem também ser aproveitados por cada um dos nossos clubes:






Enviar um comentário